Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Há luz da pena

Há luz da pena

Espírito carnavalesco

Pode-se dizer que é esta altura do ano que, gosto menos, carnaval. Porque já começou o inverno, não há peça de fruta que eu possa escolher e variar e é a altura que as pessoas se mascaram. Digo eu, mais se mascaram devido aos outros dias do ano estarem a agir disfarçadamente. Mas gosto de ver até que ponto é que estas têm imaginação desde, procurar a sua máscara, de se vestirem e interpretarem por algumas horas, de pregarem partidas…enfim uma série de coisas que eu, sinceramente, não tenho jeito nenhum. Rio-me das caras engraçadas das máscaras, dos penteados, do vestuário, do calcado e até das perucas. Penso...como as pessoas conseguem ter imaginação para tanta envoltura da época, tanta “crítica” engraçada e tanta arte manha para o evento. Agora pergunto, será que o resto do ano tentam mudar essa crítica? Vá lá, divirtam-se e não sejam como eu.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D